Apoio ao Diagnóstico e Restauração do Sistema CELESC

 

 

Justificativa e Objetivos:


Embora na maior parte do tempo os operadores desempenhem tarefas corriqueiras, como ajuste de posição de tap de transformadores para controle de tensão, durante a ocorrência de desligamentos imprevistos é deles a responsabilidade pelo restabelecimento do fornecimento no menor espaço de tempo possível, minimizando prejuízos causados pelas interrupções tanto para consumidores quanto para a empresa de distribuição de energia elétrica. Durante estas ocorrências, o operador deve interpretar as mensagens de alarmes recebidas, extrair uma conclusão a partir dos dados disponíveis sobre a origem dos desligamentos, decidir se algum equipamento deve permanecer fora de operação até inspeção por equipes de manutenção e, em seguida, efetuar a seqüência de manobras para restabelecimento da condição de operação normal.


Tradicionalmente, os operadores aprendem baseados nas instruções de operação e principalmente pela experiência, mas tem-se observado uma tendência de diminuição do tempo médio de experiência dos operadores em serviço e o risco de perda do conhecimento acumulado com a aposentadoria de operadores experientes. 


Torna-se essencial o desenvolvimento de ferramentas de suporte, que auxiliem o operador no processo de tomada de decisão após contingências, tanto na etapa de diagnóstico da ocorrência quanto na de restauração do sistema à situação normal.


Este projeto visa o desenvolvimento de uma ferramenta computacional de apoio ao operador para:


1- Interpretar os alarmes após eventos com desligamentos definitivos;
2 - Indicar a causa mais provável dos desligamentos;
3 - Informar equipamentos que devem ser mantidos fora de operação até  sua inspeção por equipes de   manutenção;
4-  Restabelecer o maior percentual de cargas possível, considerando restrições de recebimento de  energia das empresas de transmissão e equipamentos fora de operação.

O fato da ferramenta para restauração ser baseada nas instruções de operação da empresa torna a sua aceitação pelos usuários mais fácil, ao mesmo tempo que minimiza a duração das interrupções e diminui os riscos de falha humana.
O protótipo inicial desta ferramenta será aplicado ao sistema 138/69 kV do Centro de Operação de Área - Norte da CELESC, região do Vale do Itajaí.

 

Equipe UFSC:
Prof. Hans Helmut Zürn
Profa. Jacqueline Gisèle Rolim
Diana Carmem D. Lima
Patrícia Cristina Maiola
Luiz Henrique C. de Verney